Os acidentes no transporte coletivo urbano de Campinas estão chamando a atenção da população que precisa desse serviço diariamente. Somente nesta semana foram três casos: um senhor foi atropelado na Avenida Delfino Cintra, um bebê foi atropelado no Novo Maracanã e uma jovem perdeu o braço na Avenida das Amoreiras.

De acordo com levantamento feito no ano passado, de todos os atropelamentos com mortes, 26,7% envolviam ônibus do transporte urbano. 10 pessoas morreram nesses casos.

Apesar da responsabilidade dos três acidentes não ser diretamente dos motoristas, a população fica preocupada com os casos crescentes. O Setcamp, que representa as empresas de ônibus, informou que já foram abertas sindicâncias para investigar os casos do Novo Maracanã e da Avenida das Amoreiras.

Já sobre o atropelamento na Delfino Cintra, quem responde é a Emdec pois foi um ônibus de cooperativa que causou o acidente, mas a empresa informou que a Polícia Civil está investigando o caso. Todas as empresas envolvidas em todos os casos foram convocadas a prestar esclarecimentos.

Da Redação ODC.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Bar Pessoa em Campinas apresenta shows especiais; confira a programação

O Bar Pessoa, localizado no lobby do Royal Palm Plaza em Campinas, está com uma programaçã…