O sujeito foi encaminhado ao Hospital Municipal, no Jardim Nossa Sra. de Fátima, e posteriormente conduzido a Central de Polícia Judiciária (CPJ)

Divulgação

O sujeito foi encaminhado ao Hospital Municipal, no Jardim Nossa Sra. de Fátima, e posteriormente conduzido a Central de Polícia Judiciária (CPJ)

A Polícia Civil de Americana indiciou um homem na última sexta-feira (11), por embriaguez ao volante, resistência à prisão, desacato e ameaça as autoridades. Apesar do histórico, ele foi liberado para responder em liberdade após a elaboração do Boletim de Ocorrência e de realizar o exame hematológico.

A PM informou, em nota, que duas pessoas foram a base instalada na Avenida Nicolau João Abdalla, no bairro Antônio Zanaga, para relatar um acidente de trânsito sem vítima. Uma delas, G.M.F.S. estava extremamente alterado, condição que impediu o diálogo entre as partes e os policiais. “Ele dispensou o auxílio dos policiais e ao se retirar ofendeu a equipe, injuriando-os com pejorativos e palavras de baixo calão, disse que era integrante do PCC (Primeiro Comando da Capital) e que iria cobrar a vida de um por um”, diz o texto.

Os policiais foram agredidos ao tentar abordar o homem, que se negou a obedecer às ordens. Neste momento, informa a PM, foi necessário uso de força moderada para contê-lo. G.M.F.S. foi encaminhado ao Hospital Municipal, no Jardim Nossa Sra. de Fátima, e posteriormente conduzido a Central de Polícia Judiciária (CPJ), Vila Rehder. Lá, se revoltou novamente, desta vez desacatando e ameaçando um policial civil.

Escrito por:

Agência Anhanguera

Fonte: RAC

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Vídeo: passageira diz que motorista de app tem “corzinha complicada”

[embedded content] Um motorista de aplicativo de Salvador, na Bahia, denunciou uma passage…