As vendas da Black Friday movimentaram R$ 480 milhões em Campinas e região, 6,7% acima do previsto pela Acic. Os dados animaram os comerciantes, que agora contam com o Natal para que os resultados se mantenham positivos. O economista da Associação Comercial e Industrial de Campinas, Laerte Martins, detalha os números obtidos e confirma que a data especial está consolidada no calendário. Com isso, já prevê vendas 5% maiores no fim do ano. “É um indicativo realmente que consolidou a importância da Black Friday né? Acaba trazendo uma perspectiva de que nós deveremos chegar com as vendas do fim do ano, do Natal, a mais ou menos 5% acima do ano passado né?”, opina.

Apesar do ticket médio deste ano, R$ 602, ficar um pouco abaixo da Black Friday anterior, R$ 608, Laerte Martins diz que o acréscimo se deu mesmo através do volume maior nas lojas dos municípios da região metropolitana. Os números animadores refletiram, inclusive, no e-commerce. Os sites novamente voltaram a ser bastante utilizados. Mas desta vez, não só para as compras, mas também para a pesquisa e a comparação de preços dos produtos. “O volume é que ajudou a crescer mais e acaba influenciando positivamente o comércio digital na região. Como as empresas possuem canais de e-commerce, então o consumidor pesquisou, mas acabou comprando na loja física”, diz. Os motivos de maior interesse nas lojas físicas e na internet foram os smartphones, TVs e outros eletrônicos. Mas na lista também aparecem itens de vestuário, tênis e calçados, assim como passagens aéreas, livros e brinquedos.

Fonte: CBN

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Amazonense Sikera Jr. é promovido e seu programa será transmitido em todo Brasil

O jornalista Sikera Junior, apresentador da TV A Crítica, afiliada à RedeTV! em Manaus, de…