A prefeitura de Campinas já gastou com redes sociais R$ 2,2 milhões. Para administrar quatro páginas e impulsionar as publicações, esse dinheiro foi gasto apenas neste ano.

Os valores deste ano em relação com o mesmo período do ano passado tiveram um incremento de mais de 13 mil reais. Ou seja, em dois anos o gasto foi de mais de 4 milhões de reais apenas para ficar respondendo mensagens e postando o que a prefeitura faz (ou diz que faz).

As páginas estão no Facebook e no Instagram. A direção de publicidade disse que esse dinheiro foi gasto com monitoramento, planejamento de campanhas, interação com a população, pesquisas e produção de fotos e textos. Só para impulsionar postagens, neste ano foram gastos quase 200 mil reais.

Além disso, 108 usuários do Facebook foram bloqueados nas páginas da prefeitura pois elas usaram “comentários abusivos, difamatórios e que induziam ao erro”.

Para uma prefeitura que vive dizendo estar em crise, esse gasto é no mínimo estranho.

Da Redação ODC.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Share RH divulga oportunidade(s) para Analista de Gestão de Fornecedores de TI

Principais Responsabilidades Executar atividades relacionadas a gestão de contratos e forn…