Reprodução de TV

A creche Brasília Byington Egídio Martins, localizada na Vila Padre Anchieta em Campinas, registrou um surto de virose entre os professores, o que obrigou a unidade a suspender temporariamente o período integral das crianças.

O surto teria começado há três semanas e a unidade até deixou de funcionar alguns dias. Por conta disso, o centro infantil está funcionando apenas entre 7 da manhã e 12 horas. Os pais dos alunos estão reclamando dos transtornos causados pelo problema.

A prefeitura confirmou que três monitores, dos oito que trabalham na unidade, estão de licença médica, mas tudo deverá ser normalizado na segunda-feira, dia 21/10. Ainda não se sabe o que pode ter causado a virose nos professores, mas houve relatos de que crianças também tiveram diarréia. Análises laboratoriais feitos em alimentos e na água do local confirmaram que não há bactérias ou vírus no local.

Das 47 crianças que ficam no local em período integral, todas com até 3 anos de idade, 13 estão ficando apenas meio período. Os pais confirmaram que estão tendo que deixar de trabalhar ou contratar babá para deixar os filhos no restante do dia.

Da Redação ODC.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Share RH divulga oportunidade(s) para Analista de Gestão de Fornecedores de TI

Principais Responsabilidades Executar atividades relacionadas a gestão de contratos e forn…