Lançado com pompa pela prefeitura de Campinas no mês de março, o programa Asfalto Novo, que visava recapear cerca de 200km de vias da cidade, até agora não passou por alguns eixos de ligação de grande importância.

A reportagem da Rádio CBN Campinas percorreu algumas avenidas da cidade e constatou que não mudou nada desde então. O investimento total é de R$ 20 milhões, que veio de um convênio com o Governo do Estado. Esse dinheiro foi usado para a compra de 60 mil toneladas de massa asfáltica, sendo que a execução da obra é por conta da Secretaria de Serviços Públicos do poder municipal.

O prazo para execução de todas as obras era pra ser de 12 meses mas passado metade do prazo, pouca coisa mudou. Uma das avenidas prejudicadas é a Prestes Maia, com asfalto em má qualidade. Locais com grande fluxo de ônibus e com asfalto antigo seriam priorizados, mas não é bem isso que está acontecendo.

A prefeitura informou que a Prestes Maia será a próxima via a receber o novo asfalto, pois no momento as obras estão em uma via do Parque Gramado. Na sequência será a Moraes Salles e a Júlio Prestes, tudo ainda neste ano. Vamos acompanhar.

Da Redação ODC.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Estádio da Mogiana é tombado pelo Condepacc

Cedoc/RAC A decisão não impedirá que o governo do Estado venda o centro esportivo, mas cri…