O vigia Paulo Ricardo de Moraes, que ficou 4 dias internado no hospital São Vicente de Jundiaí (SP) após ser baleado enquanto trabalhava em Campo Limpo Paulista (SP), recebeu alta hospitalar nesta segunda-feira (9).

O crime foi registrado na madrugada de quinta-feira (5). Uma câmera de segurança registrou o momento em que a vítima foi surpreendida por dois homens armados e acabou sendo baleada em uma empresa de metal.

Nas imagens, é possível ver que o vigia percebe a movimentação dos criminosos e entra em uma sala correndo. Momentos depois, dois homens aparecem, arrombam a porta com chutes e atiram. Em seguida, a vítima sai já ferida e tenta ir atrás da dupla, mas depois volta para a sala.

De acordo com a polícia, quando chegaram ao local para socorrer o vigia, os policiais encontraram lixadeira, discos e dois pés de cabra no chão.

Paulo Ricardo de Moraes chegou consciente no Hospital de Clínicas. Após receber os primeiros cuidados, como drenagem de tórax, ele foi transferido para o Hospital São Vicente de Jundiaí.

O caso está sendo investigado, mas a suspeita da polícia é de que bandidos teriam tentado invadir a empresa para ter acesso ao caixa eletrônico. Nenhum suspeito foi preso.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Região

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Especial Transporte em Campinas 8 | Maior trecho entregue do BRT saiu com 6 meses de atraso

Um dos maiores trechos do BRT já aberto para o público também foi entregue com atraso. O t…