Uma grande quantidade de fumaça tóxica foi liberada recentemente com as queimadas na Amazônia. Com o vento, o ar poluído ultrapassou as fronteiras da floresta e até mesmo do Brasil, chegando a regiões habitadas por muita gente a milhares de quilômetros dali, como a Argentina. Por isso, a Sociedade Argentina de Pediatria divulgou medidas de precaução que devem ser adotadas por aqueles que ficaram expostos às consequências dos incêndios florestais.

Neste post, o Incrível.club conta quais orientações são essas, capazes de ajudar a combater os efeitos prejudiciais da fumaça.

Às vezes, ficar dentro de casa é a melhor opção

Se a concentração de fumaça estiver alta, o recomendado é que as pessoas permaneçam dentro de suas casas. Em casos assim, é melhor evitar fazer atividades recreativas ao ar livre. Por exemplo, se quiser fazer exercícios físicos, o ideal é ficar dentro da academia ou na sua residência, reduzindo o teor de poluição enviado aos pulmões. Assim, fica mais fácil evitar o aparecimento de tosse, irritação na garganta e obstrução das vias respiratórias.

Preste atenção aos informativos locais sobre a qualidade do ar

A qualidade do ar pode variar dependendo da região onde você esteja, e pode ser afetada pela fumaça de incêndios florestais. Por isso, é importante ficar atento às informações disponibilizadas por meios de comunicação e fontes governamentais, para poder se preparar adequadamente.

Pessoas com doenças cardiovasculares devem evitar sair de casa

Se você sofre de alguma doença respiratória ou cardiovascular, ficar dentro de casa é fundamental. Quando está contaminado por fumaça, o ar externo fica nocivo demais para pulmões que vêm se esforçando para fazer um bom trabalho. Na hipótese de qualquer sinal estranho enviado pelo corpo, procure um médico.

Não contamine o ar dentro da sua casa

O ar dentro de casa pode ser facilmente contaminado pelo que está do lado de fora, cheio de compostos químicos que devemos evitar. Ao manter portas e janelas fechadas, evite fumar, varrer ou sacudir poeira, e acender velas ou lareiras. Quanto mais intacta ficar a ventilação da casa, menos possibilidades você terá de sentir as consequências da fumaça.

Use máscaras de proteção

Obviamente, é muito difícil ficar dentro de casa o dia inteiro, e quando for preciso sair, é bom usar máscaras de proteção. As feitas de papel não são úteis para esses casos. Para incêndios florestais, as mais indicadas são as N95 ou P100.

A região onde você vive foi afetada pelas consequências das queimadas? Deixe seu comentário!

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Saúde & Bem Estar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Vídeo: passageira diz que motorista de app tem “corzinha complicada”

[embedded content] Um motorista de aplicativo de Salvador, na Bahia, denunciou uma passage…