Connect with us
Aumento na Criminalidade em Campinas Aumento na Criminalidade em Campinas

Destaque

Aumento na Criminalidade em Campinas

Artigo

em

Introdução

A criminalidade tem sido uma questão crítica em várias partes do Brasil, e a cidade de Campinas não é exceção. Recentemente, houve um aumento significativo nos casos de estupro, furtos de veículos, latrocínios e tentativas de homicídio. Este artigo analisa detalhadamente essas questões, com base em dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP).

Crescimento dos Latrocínios

No que diz respeito aos latrocínios (roubos seguidos de morte), Campinas viu um aumento de 60% em 2023 em comparação com 2022. Foram registradas cinco ocorrências em 2022 e oito em 2023. Este é um aumento preocupante e que merece atenção.

PUBLICIDADE

> ‘A segurança pública é uma das principais preocupações dos moradores de Campinas. Esse aumento nos latrocínios é alarmante e é necessário tomar medidas para combatê-lo’, disse um oficial da SSP-SP.

Aumento nos Casos de Estupro

Os casos de estupro também aumentaram em Campinas. Em 2022, a cidade registrou 312 ocorrências, que subiram para 334 em 2023, um aumento de 7%. Os casos foram principalmente contra vulneráveis (menores de 14 anos), onde houve uma queda na comparação: 244 ante 236. No entanto, os demais casos de estupro subiram de 68 para 98, um aumento de 44%.

PUBLICIDADE

Subida nas Tentativas de Homicídio

As tentativas de homicídio também tiveram um aumento significativo em Campinas no ano passado, subindo de 65 para 80, um aumento de 23%. Isso indica que a violência na cidade está aumentando e que mais medidas de segurança precisam ser implementadas.

Furtos de Veículos

Os furtos de veículos também aumentaram em Campinas. Os números subiram de 3.510 em 2022 para 3.578 em 2023. Por outro lado, os roubos de veículos caíram de 1.851 para 1.703. Isso sugere que os criminosos estão se voltando mais para furtos do que para roubos.

PUBLICIDADE

Queda nos Homicídios Dolosos

Apesar do aumento em várias áreas da criminalidade, houve uma queda significativa nos homicídios dolosos (quando há intenção de matar). Em 2022, foram registrados 116 homicídios em comparação com 98 em 2023, uma queda de 15,51%. O número de vítimas deste tipo de crime também diminuiu de 121 para 100, uma queda de 17,35%.

Conclusão

Apesar da queda nos homicídios dolosos, o aumento em outras áreas da criminalidade em Campinas é preocupante. É necessário que as autoridades tomem medidas para combater esses crimes e garantir a segurança dos residentes. A SSP-SP e outras agências de segurança devem trabalhar juntas para desenvolver estratégias eficazes para combater a criminalidade na cidade.

PUBLICIDADE

Tags: Campinas, comparativo, doloso, estupro, furtos, homicídio, latrocínios, ocorrências, roubos, SSP, Veículos

Compartilhe este artigo nas redes sociais para aumentar a conscientização sobre a situação da criminalidade em Campinas.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no LinkedIn
Enviar por WhatsApp

PUBLICIDADE

Redação – Plataforma multimídia de notícias, análise e serviço.

Para informações adicionais, acesse o site

PUBLICIDADE
‘Este conteúdo foi gerado automaticamente a partir do conteúdo original. Devido às nuances da tradução automática, podem existir pequenas diferenças’.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE