Connect with us
Campinas Intensifica Esforços no Combate à Epidemia de Dengue com Novo Mutirão Campinas Intensifica Esforços no Combate à Epidemia de Dengue com Novo Mutirão

Destaque

Campinas Intensifica Esforços no Combate à Epidemia de Dengue com Novo Mutirão

Photo by FotoshopTofs on Pixabay

A cidade de Campinas, no interior de São Paulo, está enfrentando uma das piores epidemias de dengue de sua história. Com mais de 100 mil casos registrados em 2024, a Secretaria Municipal de Saúde tem intensificado as ações de prevenção e controle da doença. Neste sábado (1º), a 18ª operação de mutirão deste ano será realizada, mobilizando equipes de agentes de saúde e voluntários em 11 bairros próximos ao Aeroporto Internacional de Viracopos.

PUBLICIDADE

Bairros Alvos da Ação de Combate

O foco desta iniciativa será visitar residências e estabelecimentos nos seguintes bairros:

– Parque das Indústrias
– Jardim Planalto de Viracopos
– Novo Planalto
– Jardim Aeronave
– Jardim São Pedro de Viracopos
– Jardim Adhemar de Barros
– Jardim São Cristóvão
– Vila Princesa
– Città di Salerno
– Jardim Esplanada
– Núcleo 28 de Fevereiro

PUBLICIDADE

O ponto de encontro das equipes será o Centro de Educação Infantil (CEI) Corujinha, localizado na Rua Rodney Ricci, s/nº, esquina com a Rua Martinho Lutero, no Jardim Adhemar de Barros.

Força-Tarefa Contra o Aedes aegypti

Estima-se que cerca de 200 voluntários e agentes de saúde participarão desta operação, incluindo funcionários da empresa terceirizada Impacto Controle de Pragas. Eles estarão devidamente identificados com camisetas laranja e crachás, enquanto os líderes das equipes usarão camisetas verdes.

PUBLICIDADE

A principal missão será visitar os imóveis, orientar os moradores e eliminar potenciais criadouros do mosquito Aedes aegypti, vetor transmissor da dengue. Em caso de dúvidas sobre a legitimidade da ação, os moradores podem solicitar informações pelo telefone 199 da Defesa Civil.

Prevenção: A Chave para Conter a Epidemia

Dados das secretarias municipal e estadual de Saúde revelam que 80% dos criadouros do Aedes aegypti estão localizados dentro das residências. Portanto, o enfrentamento eficaz da epidemia exige um esforço conjunto entre o poder público e a população.

PUBLICIDADE

A melhor forma de prevenir a proliferação do mosquito é eliminar qualquer acúmulo de água parada que possa servir de criadouro. Isso inclui latas, pneus, pratos de plantas, lajes e calhas. É fundamental também vedar adequadamente as caixas d’água e manter fechados os vasos sanitários inutilizados.

Situação de Emergência Declarada

Diante da gravidade da situação, Campinas declarou situação de emergência em 7 de março, reconhecendo o risco de transmissão da dengue em todas as regiões da cidade. Essa medida permite a mobilização de recursos adicionais e a adoção de estratégias mais abrangentes no combate à epidemia.

PUBLICIDADE

As autoridades de saúde têm enfatizado a importância da conscientização e da participação ativa da população nesse esforço conjunto. Somente por meio de ações integradas e sustentadas será possível conter a propagação do Aedes aegypti e reduzir o impacto dessa grave ameaça à saúde pública.

Para informações adicionais, acesse o site

PUBLICIDADE
‘Este conteúdo foi gerado automaticamente a partir do conteúdo original. Devido às nuances da tradução automática, podem existir pequenas diferenças’.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE