Connect with us

Destaque

PORTEIROS VALINHENSES APONTAM QUE LIDAR COM PESSOAS É O PRINCIPAL DESAFIO DA PROFISSÃO

Artigo

em

Nesta quinta-feira, dia 9, é comemorado o Dia do Porteiro, data que celebra os profissionais responsáveis pela segurança e bom funcionamento dos prédios e condomínios comerciais, residenciais e indústrias. Além de controlar a entrada e saída das pessoas e produtos, em muitos casos, os porteiros ainda auxiliam em outros serviços. Em homenagem a esses trabalhadores, o Jornal de Valinhos entrevistou os valinhenses, Thiago Gomes, 23 anos, e Cláudia Aparecida Robes dos Santos, 44 anos.

Eles atuam pela Vig Port, empresa de Valinhos que fornece de mão de obra operacional para empresas e condomínios de toda a região de Campinas desde 1990.

Tanto Thiago quanto Claudia, colocam como principal desafio da profissão a dificuldade no relacionamento com as pessoas. “O grande desafio é lidar com os moradores e entregadores. Temos regras e muitas vezes eles não entendem. Não somos nós, porteiros, que fazemos as regras e as situações que acontecem acabam gerando desentendimentos”, explica Cláudia, que é porteira em condomínio residencial em Valinhos.

“É um trabalho tranquilo, mas temos que ter jogo de cintura para lidar com as pessoas. Precisamos ter educação e às vezes, pulso firme na portaria”, destacou Thiago, que já foi controlador de acesso na Santa Casa de Valinhos e atualmente trabalha na portaria de uma multinacional em Vinhedo.

CARREIRA

O valinhense Thiago, que atua como porteiro há quatro anos, explica que a portaria está totalmente integrada a todo processo da empresa na qual trabalha. “Recebemos notas, entregas de produtos e nosso trabalho envolve ainda a segurança patrimonial. Com a informatização, a profissão está em constante transformação”, explicou ele.

Já para Cláudia, que resolveu ingressar na área em 2018, trabalhar de porteira proporciona um constante aprendizado. “Acabo conhecendo muitas pessoas e aprendi muito sobre segurança patrimonial. Nossa área exige que eu seja dinâmica e atenciosa. Conto com apoio da empresa Vig Port e sempre venho trabalhar animada”, finalizou.

PORTEIROS VALINHENSES APONTAM QUE LIDAR COM PESSOAS É O PRINCIPAL DESAFIO DA PROFISSÃO
Cláudia Aparecida Robes dos Santos atua em condomínio residencial
PORTEIROS VALINHENSES APONTAM QUE LIDAR COM PESSOAS É O PRINCIPAL DESAFIO DA PROFISSÃO
Thiago Gomes trabalha em portaria de empresa multinacional

Destaque

Auxiliar de Produção masculino para trabalhar em Hortolândia

Artigo

em

Por

Marelli é uma das maiores empresas de autopeças do mundo. No Brasil, a empresa conta com mais de 5000 empregados e é líder de mercado em amortecedores, sistemas de injeção eletrônica e escapamentos, atuando também nos segmentos de faróis e lanternas, quadros de instrumentos, telemática, navegadores GPS, sistemas de suspensão, dentre uma série de outros produtos.

É dona de marcas consagradas no mercado, como Cofap e Automotive Lighting, e possui no País sete unidades produtivas localizados em Minas Gerais (Contagem e Lavras), São Paulo (Amparo, Hortolândia e Mauá) e Pernambuco (Goiana e Cabo de Santo Agostinho).

Descrição:

Estamos em busca de um operador de utilidades para compor nosso time e será responsável pelas seguintes atividades:

Operar estação de tratamento de efluentes, tratamento da água e acompanhamento nas torres de resfriamento de água e manobras para liberação de água para as caixas, e/ou operar o sistema de caldeira acompanhando a temperatura, o nível de água e de pressão dos mesmos, e/ou operar, controlar e efetuar manobras nos compressores de ar, e/ou efetuar pequenas manutenções nos equipamentos, e/ou operar empilhadeiras para transporte de resíduos industriais. Responder pela operação das estações de água potável e de tratamento de afluentes, e/ou por manter em operação os sistemas de caldeira e compressores de ar.

Outros requisitos:

• Formação superior/ técnica/ tecnólogo concluído ou em andamento.

• Experiência em operação e manutenção preventiva, preditiva e corretiva dos boilers conforme as normas e treinamentos de operação de caldeira, dos chillers, compressores, Dry Cooler, Osmose Reversa, do Fosso de Lodo;

• Conhecimento no preenchimento do checklist de diário e semanal dos equipamentos de utilidades, checklist de água industrial, verificando todas as válvulas e anomalias na rede de água, nas tubulações dos equipamentos de utilidades;

• Vivência na preparação diária de materiais e borra para descarte na ilha ecológica;

• Experiência no gerenciamento das dosagens de químicos para tratamento da água dos equipamentos, medições diárias de consumo de água e energia para certificação de um rateio justo entre as unidades;

• Verificações e pequenas correções de vazamentos de telhados e coberturas;

• Suporte nas manutenções das tubulações dos chillers e termo reguladores, nas correções e verificações no sistema de combate a incêndio;

• Execução de novos projetos de pequeno porte tubulações de hidráulica e pneumática em geral.

Para concorrer ao emprego cadastre-se no site VAGAS, clique aqui

Observação: Dependendo do dia que estiver vendo está postagem a vaga poderá não estar mais disponível.

Para conferir mais vagas de emprego clique aqui

Continue lendo

Destaque

paytec divulga oportunidade(s) para Analista de CRM III | Campinas/SP – Gupyhttps://stollerbr.gupy.io/job/eyJqb2JJZCI6MT…

Artigo

em

Por

Job description

Somos a Paytec empresa destaque no desenvolvimento e implantação de soluções logísticas pautadas em tecnologia de ponta, atendendo grandes clientes com capilaridade nacional.

Fazemos parte de um grande grupo financeiro internacional, e estamos vivendo um momento de transformação e construção, da qual você pode fazer parte!

 

Aqui somos motivados por desafios, conectados com o cliente e trabalhamos com paixão!

Se você se identificou e quer trabalhar em um ambiente dinâmico e ágil, venha fazer parte do time da Paytec!

 

Com matriz em São Paulo e atuação nos principais mercados do país, buscamos na proximidade com nossos clientes um elo perene e eficaz de parceria, prestando serviços de qualidade e com melhoria contínua.

Estamos em busca de um(a) de TALENTOS!

Main responsibilities

Execução de Ordens de Serviço (Instalação, Manutenção, Retirada e Substituição de Tecnologia de Máquinas, Chips, Bobinas, etc.) no raio de até 12km da agência, por meio de motocicletas;

Priorização de OSs (modalidade x lead time).

Otimização da rota a ser executada;

Conferência de máquinas expedidas e reversas; 

Ativação de máquinas; 

Manuseio e conferência de documentação (OSs, protocolos de atendimento, etc.); e

Atendimento ao cliente.

Participação das reuniões de alinhamento da equipe com a liderança.

Substituição do consultor de agência, quando necessário.

Requirements and skills

Ensino médio completo;

Moto própria;

Documentação da moto:

Licenciamento do ano corrente pago;

DPVAT do ano pago;

Extrato de multas;

Documentação do condutor: CNH com habilitação categoria “A” com EAR válida

Additional information

O que você pode esperar da gente?

Nosso jeito de ser é pautado em simplicidade, entrega de resultados sustentáveisética, protagonismodiversidade e transparência nas relações

Atuamos com excelência em tudo o que fazemos, somos eternos aprendizes e atentos a novas oportunidades.

Valorizamos pessoas que curtam desafios e sejam colaborativos.

Trabalhamos num ambiente informal, ágil e em constante transformação!

Conheça mais sobre nós!

Somos a Paytec empresa destaque no desenvolvimento e implantação de soluções logísticas pautadas em tecnologia de ponta, atendendo grandes clientes com capilaridade nacional.

Fazemos parte de um grande grupo financeiro internacional, e estamos vivendo um momento de transformação e construção, da qual você pode fazer parte

Aqui somos motivados por desafios, conectados com o cliente e trabalhamos com paixão! Se você se identificou e quer trabalhar em um ambiente dinâmico e desafiador, venha fazer parte do nosso time!

 

Com matriz em São Paulo e atuação nos principais mercados do país, buscamos na proximidade com nossos clientes um elo perene e eficaz de parceria, prestando serviços de qualidade e com melhoria contínua.

Ficou curioso e quer saber mais sobre nós?

Login as candidate

A seleção de candidatos está sendo realizada através do site “GUPY”. Os interessados devem acessar o site e se cadastrar neste link.

Veja mais vagas de emprego de Campinas e região no Notícias de Campinas

Continue lendo

Destaque

Mulher é esfaqueada na perna e testa pelo ‘ex’ em Campinas

Artigo

em

Por

Uma mulher de 50 anos foi esfaqueada na perna e testa, no começo da tarde de anteontem, no Jardim Novo Campos Elíseos, em Campinas. O principal suspeito do crime é o ex-companheiro da vítima, que ainda não foi localizado. A mulher foi socorrida pelo resgate do Corpo de Bombeiro ao Pronto Atendimento do São José em estado moderado e, depois, transferida para o Hospital do Ouro Verde.

O crime teria acontecido por volta das 13h30, na residência da vítima, que fica na Rua Michael Robert Kaan. De acordo com a polícia, a mulher mora em uma edícula nos fundos de um imóvel.

Vizinhos, no imóvel principal, teriam visto a vítima conversando no portão da casa com o ex-companheiro e, em seguida, ele teria ido até a casa dela. Pouco tempo depois, os vizinhos ouviram a vítima dizendo ao agressor que ele estaria louco.

Além de cortes na testa e pernas, a mulher ainda sofreu lesões na região abdominal e do tórax. Ainda, segundo a polícia, a mulher disse apenas que não se lembrava do nome do excompanheiro, por estar abalada, e que o relacionamento amoroso era recente.

O caso será investigado como tentativa de feminicídio pela 2ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM). O celular da vítima foi apreendido e a Polícia Civil pediu exames ao Instituto de Criminalística (IC) e ao Instituto Médico Legal (IML).

Outro caso

No dia 28 do mês passado, a faxineira Ivani Carvalho de Souza , de 55 anos, foi morta com uma facada no peito durante uma discussão com o ex-companheiro, o pedreiro José Nilberto dos Santos, de 48 anos, que foi preso em flagrante. O agressor não aceitava o fim do relacionamento.

O crime ocorreu na casa dela, no bairro DIC 1, na região do distrito do Ouro Verde, em Campinas. Segundo os vizinhos, o ex-casal viveu junto por oito anos, entre idas e vindas. No entanto, ele era agressivo e possessivo, além de alcoólatra e usuário de entorpecentes.

No dia do crime, ela o expulsou de casa, jogando as roupas dele na rua. Após matar a vítima, o pedreiro foi até um quiosque e pediu para o dono ligar para a Polícia Militar. Apenas nos sete meses deste ano, Campinas registrou oito feminicídios, o dobro de vítimas quando comparado com igual período de 2021, que registraram quatro vítimas nos sete meses do ano (e cinco durante todo o ano).

Assuntos Relacionados

Compartilhar

Continue lendo
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

TAGS

+ VISTOS