Connect with us

Destaque

Servidores do INSS voltam ao trabalho e retomam atendimentos na região de Campinas após 2 meses de greve

Artigo

em

Após fim da greve, perícias do INSS devem ser remarcadas pelo site

Após fim da greve, perícias do INSS devem ser remarcadas pelo site

Os servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) voltaram ao trabalho nesta terça-feira (24) nas agências da região de Campinas (SP). A greve nacional da categoria terminou nesta segunda (23) após dois meses de reivindicações, unidades fechadas e beneficiários sem atendimento presencial.

Ao menos 11 agências em dez cidades da região foram afetadas. Além das duas unidades na metrópole, Hortolândia, Americana, Sumaré, Indaiatuba, Valinhos, Mogi Guaçu, Socorro, Amparo e Mogi Mirim tiveram adesão de funcionários da Previdência à greve.

Fora os moradores dessas cidades, os do entorno também ficaram sem atendimento – já que há municípios que não possuem agências. Quem reside em Águas de Lindóia, Estiva Gerbi, Holambra, Jaguariúna, Lindóia, Monte Alegre do Sul, Monte Mor, Morungaba, Paulínia e Pedra Bela, depende de ir a outra cidade para ter acesso a serviços e perícias.

Ao longo da mobilização, somente alguns serviços puderam ser realizados via telefone 135 ou pelo site Meu INSS.

A greve dos médicos peritos também foi encerrada e as consultas começaram a ser normalizadas nesta segunda.

Fila na entrada

Antes da abertura da agência central de Campinas, na Rua Barreto Leme, nesta terça, uma fila de beneficiários se formou na porta. A reportagem da EPTV, afiliada da TV Globo, apurou no local que todas as pessoas conseguiram entrar para ser atendidas.

Fila de beneficiários na agência do INSS de Campinas após fim da greve dos servidores — Foto: Reprodução/EPTV

Acordo assinado

O Sindicato dos Servidores da Previdência Social da região (Sinsprev) informou que ainda nesta terça terá uma reunião em Brasília (DF) para negociar a reposição salarial dos dias descontados dos servidores.

Os servidores se comprometeram a repor os dias parados para agilizar a análise de processos e a concessão de benefícios. A compensação será feita conforme plano de trabalho a ser construído nos próximos dias.

Fila na agência do INSS de Campinas após fim da greve dos servidores — Foto: Reprodução/EPTV

Perícias retomadas

Após 52 dias de greve, os médicos peritos do INSS anunciaram o fim da mobilização e retomada dos atendimentos nesta segunda.

Em nota, a Subsecretaria de Perícia Médica Federal informou que, por enquanto, serão realizadas as perícias que já estavam agendadas, seguindo os procedimentos ordinários.

“As medidas para redução do estoque e das perícias impactadas pela greve serão objeto de normativo a ser publicado em breve”, diz o texto. Ao todo, 177.875 perícias estão agendadas para os próximos dias no Estado de São Paulo; não foram informados números por cidade.

Antes da greve, eram feitas, em média, 150 perícias por dia só na cidade de Campinas. Quem não conseguiu reagendar as consultas durante a paralisação, deve acessar o site do INSS.

Importante ressaltar que as remarcações estão sendo feitas para datas em julho e agosto, por conta da alta demanda, segundo beneficiários da região de Campinas.

Nova data marcada para perícia médica de açougueira de Campinas, sem receber salário e benefício desde dezembro de 2021 por causa da greve do INSS — Foto: Arquivo pessoal/Ana Paula Rodrigues

VÍDEOS: confira outros destaques da região

Destaque

Emprego ✅ | Semana começa com mais de 100 oportunidades de trabalho em Cachoeiro

Artigo

em

Por

Cachoeiro emprego

Advertisement

Advertisement

Se você mora em Cachoeiro de Itapemirim ou na região Sul e está à procura de emprego, essa é a sua chance de voltar ao mercado de trabalho. Empresas estão ofertando, nesta segunda-feira (15), 108 vagas de emprego, por meio do Sine Cachoeiro.

Continua depois da publicidade

As oportunidades de emprego são para diversos cargos e escolaridade e para cidades do Sul do ES. No entanto, é preciso fazer um cadastro para concorrê-las.

Quem tiver interesse pode se candidatar às vagas de emprego ainda hoje. Isso porque a Agência do Trabalhador funciona das 8h às 17h. O banco de empregos fica na rua Costa Pereira, n° 100, no bairro Sumaré. Antes da mudança, a agência ficava na Avenida Beira Rio.

De acordo com a agência, é necessário levar a carteira de trabalho, identidade, CPF, comprovante de escolaridade, comprovante de endereço com CEP, assim como certificados de cursos (caso tenha). Os documentos precisam ser originais e devem estar em bom estado.

Confira as vagas de emprego

Continua depois da publicidade

Empresas e o Sine Cachoeiro esperam por seu currículo. Se vocês tem um emprego à vista, inclua apenas as informações essenciais no seu currículo

Saber como fazer um curriculum vitae que seja objetivo, ou seja, que vá “direto ao ponto” e que atraia a atenção das empresas é fundamental para ser considerado para uma vaga em uma agência de empregos.

 Se há vagas, opte por um currículo sóbrio e entregue em uma agência de empregos

Os currículos devem, normalmente, utilizar o formato padrão e as fontes mais clássicas como Arial e Times New Roman na cor preta.

Advertisement

Quantas páginas meu currículo deve ter?

Continua depois da publicidade

Normalmente o mais recomendado é que seu currículo tenha entre uma e duas páginas, mas isso vai depender muito da vaga para a qual você está se candidatando.

Em que ordem cronológica é preciso colocar a experiência profissional?

Colocar as experiências profissionais na ordem cronológica inversa, ou seja, da mais recente para a mais antiga, é importante para facilitar a visualização por parte das Empresas.

A importância de saber como escrever um currículo de acordo com a vaga para a qual você está se candidatando

Ao invés de enviar um currículo padrão aos recrutadores, tente personalizá-lo ao máximo para a vaga pretendida.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

Continue lendo

Destaque

Loja de cosméticos com mais da metade do estoque vencido ou com embalagens violadas é interditada em Campinas

Artigo

em

Por

Loja de cosméticos interditada está localizada no Centro de Campinas — Foto: Arquivo PMC

A Vigilância Sanitária interditou, nesta segunda-feira (15), uma loja de cosméticos no Centro de Campinas (SP) após encontrar produtos vencidos, outros com data de validade adulterada e embalagens violadas. Além disso, o local estava em condições precárias de higiene.

O órgão recebeu uma denúncia contra a loja, que agora tem dez dias para apresentar recurso contra a ação. No entanto, permanecerá fechada até que seja feito o descarte do material irregular. Isso deve ser feito por meio de uma empresa especializada, com acompanhamento da prefeitura.

Risco à saúde

Conforme a vigilância, mais da metade do estoque do local era formado por cosméticos vencidos, sem data ou com rótulo adulterado, a maioria deles destinada ao cuidado de cabelos. O total de mercadorias apreendidas ainda não foi contabilizado.

Ainda segundo o órgão, esses produtos oferecem riscos à saúde e podem causar alergias, intoxicações ou danos à pele. O local também recebeu auto de infração por conta das condições ruins de higiene na cozinha, no sanitário e no depósito de mercadorias.

Para realizar denúncias a Vigilância Sanitária, os moradores podem ligar para o número 156 ou pelo telefone 0800-771 3541, do sistema estadual.

VÍDEOS: tudo sobre Campinas e região

Continue lendo

Destaque

Campinas chega a 33 infectados com varíola dos macacos e Sumaré entra para a lista; total na região sobe para 49

Artigo

em

Por

Amostra de pele infectada com o vírus monkeypox — Foto: REUTERS/BBC

Subiu para 33 o total de confirmações da varíola dos macacos, doença contagiosa transmitida entre humanos, em Campinas (SP). O balanço foi atualizado nesta segunda-feira (15) pela Secretaria de Saúde da metrópole. A região soma 49 infectados, e Sumaré (SP) entrou para a lista com dois diagnósticos positivos.

Vinhedo (SP) já estava na lista com um caso – o segundo do Brasil na época em que foi divulgado – e agora confirmou o segundo. Americana (SP) também confirmou, por meio da prefeitura, o segundo morador infectado. Durante a tarde, Valinhos (SP) foi outra cidade a divulgar o segundo positivo.

Onde há casos de varíola

  • Campinas: 33
  • Indaiatuba: 2
  • Paulínia: 2
  • Jaguariúna: 2
  • Sumaré: 2
  • Vinhedo: 2
  • Americana: 2
  • Valinhos: 2
  • Hortolândia: 1
  • Amparo: 1

Apesar do nome, a transmissão não tem relação com macacos. A doença é chamada assim desde que foi descrita pela primeira vez, em macacos de laboratório. Em todo o estado já foram confirmados 2.019 moradores infectados após viagens pelo país e no exterior, e também em casos de transmissão comunitária.

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo alerta que o vírus faz parte da mesma família da varíola, e que “o atual surto tem prevalência de transmissão e contato íntimo e sexual” – mas também foi confirmado em gestantes e crianças.

Casos em Campinas

De acordo com a Secretaria de Saúde do município, dos 33 diagnósticos de varíola dos macacos, 18 são importados e 15 são autóctones (transmissão comunitária). Veja o perfil dos moradores infectados abaixo:

  • 31 homens
  • 2 mulheres
  • Idades entre 22 e 57 anos

Entre todos os infectados, 14 já concluíram o período de isolamento e tiveram alta. Os demais 19 moradores seguem fazendo acompanhamento ambulatorial, mas são casos sem gravidade e com boa evolução.

“O atendimento para os pacientes com suspeita da doença está disponível nos centros de saúde, prontos-socorros, pronto atendimentos e no Centro de Referência em IST, HIV/Aids e Hepatites Virais”, informou a prefeitura.

Novo caso em Americana

Segundo a prefeitura, o infectado é um homem de 30 anos que foi colocado em isolamento domiciliar e tem quadro de saúde considerado estável. “O morador não possui histórico recente de viagem ao exterior e nem contato com viajantes”, completou.

De acordo com a administração municipal, o diagnóstico foi confirmado pelo Instituto Adolfo Lutz e o paciente vem sendo acompanhado pelo ambulatório do Serviço Especializado em Infectologia (SAE).

2ª caso em Vinhedo

Dois meses após confirmar o primeiro caso na cidade, Vinhedo registrou o segundo morador infectado com monkeypox. Segundo a prefeitura, o paciente passa bem, e os comunicantes estão sendo monitorados – sem sintomas.

Há outros dois casos na cidade em investigação, aguardando resultados de exames.

Sumaré entra na lista

A Secretaria Municipal de Saúde da cidade informou que os dois pacientes com varíola dos macacos são do sexo masculino, de 26 e 28 anos, moradores da região do Matão e Picerno, respectivamente.

“Os pacientes estão em isolamento domiciliar sem agravamento e sendo monitorados pelas equipes da Secretaria de Saúde”, disse por nota. Há outros dois casos suspeitos no município aguardando resultados de exames.

A administração disse, ainda, que profissionais da Secretaria de Saúde passam nesta segunda-feira por uma “formação para lidar com possíveis casos que cheguem à rede municipal”, e a prefeitura montou uma sala de situação para enfrentar o problema.

Valinhos tem 2ª confirmação

O novo paciente é um homem, que passou por atendimento médico no Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp no dia 8 de agosto. Ele apresentava, na ocasião, lesões pelo corpo, febre, cefaleia, fraqueza e dor.

“Conforme monitoramento da Saúde, o paciente está bem, segue em isolamento, somente com as lesões que estão em evolução de melhora. A Vigilância Epidemiológica iniciou o monitoramento do caso imediatamente após a informação repassada pela Unicamp, incluindo também o monitoramento de seus familiares contactantes, dois avós, que não apresentam sintomas até o momento”, disse a Secretaria de Saúde.

O primeiro caso, confirmado há menos de uma semana, segue em isolamento domiciliar. O paciente tem 24 anos passa bem e seus familiares não apresentaram sintomas. A Secretaria de Saúde de Valinhos reforçou a importância do diagnóstico precoce.

Fique atento aos sintomas

Entre os casos descritos neste surto no Brasil, o principal sintoma apresentado foi o aparecimento de lesões parecidas com espinhas ou bolhas. Elas podem surgir no rosto, dentro da boca ou em outras partes do corpo, como mãos, pés, peito, genitais ou ânus. Podem ou não ser doloridas.

Outros sintomas que podem aparecer são:

  • Caroço no pescoço, axila e virilhas
  • Febre
  • Dor de cabeça
  • Calafrios
  • Cansaço
  • Dores musculares

Isolamento e cuidados

Quem apresentar sintomas, deve procurar atendimento médico e será orientado a fazer um isolamento para evitar o contágio, mesmo dentro de casa. O período costuma ser de 21 dias, até que as casquinhas das feridas caiam.

É preciso evitar contato físico com outras pessoas e também o compartilhamento de objetos, como roupas, toalhas e lençóis.

A coceira da varíola dos macacos passa por diferentes estágios até a formação de lesões de pele — Foto: UKHSA

A prevenção pode se dar da seguinte forma:

  • Evitar contato direto com lesões características.
  • Lavar com frequência as mãos ou uso de álcool em gel.
  • Limpar com frequência as superfícies de alto contato.
  • Usar máscara em locais com aglomerações de pessoas.
  • Evitar situações de contato físico pele a pele em ambientes com aglomeração.
  • Usar fontes confiáveis para ter informações sobre a doença.

VÍDEOS: tudo sobre Campinas e região

Continue lendo
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

TAGS

+ VISTOS