Sob supervisão de professores, alunos do curso técnico de Enfermagem imunizam a população nesta quarta (25) e quinta (26)

Cerca de dez estudantes do curso técnico de Enfermagem da Escola Técnica Estadual (Etec) Manoel dos Reis Araújo, em Santa Rita do Passa Quatro, na região central do Estado, reforçam o time de profissionais da saúde na campanha de vacinação contra a gripe. Sob supervisão da professora Nuria Maestrello, em parceria com a prefeitura, a unidade atende a população nesta quarta (25) e quinta-feira (26), das 7h30 às 13h30.

“Recebemos a solicitação e estamos felizes em colaborar. Quanto mais postos na cidade, menos aglomeração de pessoas para receber a vacina”, explica a coordenadora do curso, Selma Fiorin. “Estamos sempre dispostos a ajudar, ainda mais em um momento grave como o que estamos passando”, ressalta.

Região de Bauru

Na Etec de Lins, professores do curso técnico de Enfermagem, com o auxílio de dez estudantes e técnicos formados pela unidade, participam da campanha de vacinação contra gripe na cidade.

Nesta terça-feira (24), a imunização ocorreu no sistema drive-thru, em posto móvel organizado pela prefeitura do município. Eles continuam participando da campanha, que segue nos próximos dias em hospitais e outros polos de vacinação da cidade.

Mais ações

Desde o início da semana, unidades do Centro Paula Souza (CPS), além de professores e estudantes de Enfermagem, têm sido requisitados no auxílio à vacinação. Na segunda-feira (23), dez Etecs e duas Faculdades de Tecnologia do Estado (Fatecs) começaram a participar da primeira etapa da campanha de vacinação contra a gripe.

Até o momento, foram requisitadas como polos de imunização Etecs situadas nos municípios de Bauru, capital (Etec Irmã Agostina, na zona sul), Cubatão, Franca (Etec Doutor Júlio Cardoso), Jales, Matão, Mogi Mirim, Santa Rosa de Viterbo, Taboão da Serra e Taquarituba. As Fatecs Araçatuba e São Paulo (da Capital) também sediam a campanha. Os horários de vacinação variam de acordo com as orientações dos órgãos municipais de saúde.

Além das unidades do CPS, a campanha é realizada em parceria com os municípios e com a rede de ensino da Secretaria da Educação, envolvendo ainda farmácias da capital e outras organizações acionadas à medida que houver necessidade. No momento, são cerca de 11,5 mil postos fixos e volantes, incluindo escolas, creches, farmácias, barcos, ônibus e outros veículos, de forma a alcançar o público-alvo em todas as regiões do Estado.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Estado critica posicionamento de Americana e defende restrição no comércio

O secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Marco Vinholi, classifico…