Todos sabem que a Emdec é uma empresa cheia de grandes “técnicos” em transporte que nunca andaram de ônibus na vida, mas são eles quem ditam os rumos de quem vai usar os ônibus todos os dias. A qualidade desses profissionais ficou bem evidente nos últimos dias, com a insistência da obrigatoriedade de ônibus elétricos a partir do novo contrato do sistema de transporte de Campinas.

O ODC já denunciou o direcionamento do edital para as empresas BYD e CPFL e a Mercedes-Benz questionou a matriz a ser utilizada, já que há várias outras fontes de energia renováveis mais baratas para as empresas poderem tem ao menos fôlego financeiro.

A prefeitura revelou que já tem uma carta de intenções da BYD com o compromisso da empresa chinesa em fornecer os tais ônibus articulados elétricos para a cidade, mesmo ela não fabricando esse tipo de veículo ainda. Para piorar a nota esdrúxula, a prefeitura disse ainda que existe a Eletra, que só faz ônibus de testes para a Metra, empresa do mesmo grupo, e a Yutong, também chinesa com um escritório em São Paulo e zero ônibus no país.

Ficou evidente que os técnicos da Emdec não sabem o que estão falando e vão continuar insistindo em um modelo totalmente sem cabimento. Nem São Paulo, que tem o maior valor de subsídio do país para o transporte, tem articulados elétricos. A opinião da Emdec é tão descabida que os técnicos disseram que poderão rever essa decisão de usar veículos elétricos na cidade, mas só se for para aumentar a quantidade deles.

A esperança é de que esse edital não seja publicado neste ano, ou que a Justiça continue exigindo estudos sérios, e não a megalomaníaca ideia da Emdec. No ano que vem, a cidade terá novo prefeito e poderá publicar um edital decente e condizente com a realidade.

Da Redação ODC.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Fundo Social de São Paulo lança Campanha Inverno Solidário 2020

Devido à pandemia do coronavírus, somente cobertores novos serão arrecadados para atender …