Linha 695DV1 será operada pelo Consórcio Bus+. Foto: Divulgação.

Serviços complementares 283VP1 e 695DV1 terão tarifa de R$ 5,25

JESSICA MARQUES

A EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) divulgou os detalhes das novas linhas de ônibus que atenderão Hortolândia, Campinas, Carapicuíba e Osasco, no estado de São Paulo.

De acordo com a publicação oficial, os serviços complementares 283VP1 e 695DV1 terão tarifa de R$ 5,25 e estão em fase de regulamentação.

A criação de ambos os itinerários foi publicada em Diário Oficial do Estado deste sábado, 28 de março de 2020, e se referem às seguintes linhas:

Criação do Serviço Complementar (Derivação) à linha tronco C-695 TRO 

C-695DV1-000-R, Hortolândia (Jardim Santiago) – Campinas (Terminal Metropolitano Prefeito Magalhães Teixeira) via Hortolândia (Residencial Anauá), na linha tronco C-695TRO-000-R, Hortolândia (Jardim Santiago) – Campinas (Terminal Metropolitano Prefeito Magalhães Teixeira), operada pelo Consórcio Bus+.

O Consórcio Bus+ é liderado pela Transportes Capellini, que integra o Grupo Belarmino, e atende toda a Região Metropolitana de Campinas (RMC).

No caso de Serviço Complementar de Derivação, este necessita ter terminais coincidentes com os da linha, além de distância de qualquer ponto do itinerário que não ultrapasse 20% de sua extensão ou 3 quilômetros, adotando-se o menor valor entre elas.

A quantidade de viagens deve ser inferior a 40% das viagens da linha, dentre outros critérios.

Segundo a EMTU, o serviço atenderá as empresas e os condomínios residenciais da Avenida Municipal Sabina Baptista de Camargo, no Jardim Novo Ângulo, em Hortolândia. Serão beneficiados cerca de 4 mil passageiros por mês.

Nos dias úteis, serão três viagens no sentido Campinas e duas no sentido Hortolândia, percorrendo a extensão média de 25,6 quilômetros. A tarifa será R$ 5,25.

O início da operação será divulgado nas redes sociais e na imprensa regional. Os horários das partidas estarão disponíveis no site www.emtu.sp.gov.br.

Criação do Serviço Complementar (Viagens Parciais) à linha tronco 283 TRO 

C-283VP1-000-R, Carapicuíba (Cidade Ariston) – Osasco (Centro) na linha tronco C-283TRO-000-R, Carapicuíba (Cidade Ariston) – Osasco (Vila Yara), operada pelo Consórcio Anhanguera.

O objetivo é criar um serviço complementar de Carapicuíba ao centro de Osasco para atender o trecho no qual estão concentrados 85% dos 11,5 mil passageiros transportados pela referida linha nos dias úteis.

A linha possibilitará aos moradores de Cidade Ariston, Vila Iza, Vila Cretti, Vila Marcondes e Cohab, bairros de Carapicuíba, a ampliação do atendimento com destino à região central de Osasco, além da integração com a linha 840 Osasco (Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso) – São Paulo (metrô Butantã). O ponto inicial será na rua Alberto Kenworth com rua Patrocínio Paulista.

De acordo com a EMTU, nos dias úteis, o serviço transportará cerca de 2 mil passageiros em 17 viagens de ida e 12 de volta, percorrendo a extensão média de 15,2 km. Aos sábados serão seis viagens de ida. A linha não vai circular aos domingos e feriados. A tarifa praticada será de R$ 5,20, a mesma da linha tronco 283.

A data de início da operação será divulgada nas redes sociais e veículos de imprensa regionais. Os horários das partidas estarão disponíveis no site www.emtu.sp.gov.br.

A aprovação prévia da EMTU, para o Consórcio Anhanguera criar um serviço complementar na ligação entre Carapicuíba e Osasco, na Grande São Paulo, foi noticiada pelo Diário do Transporte em fevereiro deste ano.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2020/02/20/emtu-aprova-servico-complementar-em-linha-entre-carapicuiba-e-osasco/

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Fonte: Diario do Transporte

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Hortolândia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Nova Odessa registra mais uma morte por coronavírus

Um morador do Jardim Bela Vista, de 69 anos, é a terceira vítima do novo coronavírus em No…