O Museu da Casa Brasileira (MCB), instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado, gerido pela Sociedade Civil por meio da A Casa Museu de Artes e Artefatos Brasileiros, promove a 11ª edição do Bazar da Cidade. O evento será realizado em 27 e 28 de abril, das 10h às 21h, com programação cultural gratuita.

Os interessados em participar devem se inscrever no local com 30 minutos de antecedência. A iniciativa, que ocupa pela segunda vez o jardim e o terraço do Museu, reunirá mais de 100 expositores para celebrar o Dia das Mães. “Queremos festejar as mulheres em toda sua diversidade”, salienta Bel Pereira, curadora do bazar.

“São elas que dão vida a São Paulo, uma cidade que abraça e acolhe, ao mesmo tempo que se mostra rigorosa e exigente com os filhos. Mães incríveis, que ocupam nossa metrópole com suas histórias e origens distintas”, acrescenta.

Esta edição reforça o conceito do primeiro evento realizado no MCB, em agosto de 2018, ao valorizar os contrastes entre os participantes, sejam de moda, joalheria, acessórios, casa, decoração, bem-estar, arte, artesanato ou gastronomia.

Programação

Além dos expositores, o Bazar da Cidade tem uma programação cultural gratuita, com oficinas para adultos e crianças, um espaço dedicado para pequenos poderem se divertir e leitura de tarot.

Entre expositores gastronômicos e a praça de alimentação, mais de 20 participantes representam a diversidade, que vai da comida mineira e italiana até a cozinha venezuelana e de Taiwan.

“Sendo o único museu do País voltado ao design e à arquitetura, o MCB realiza eventos a fim de estimular a economia criativa e valorizar o pequeno produtor ou artesão. Promover o contato direto com o consumidor final e garantir a sustentabilidade dessa cadeia é um dos nossos objetivos junto ao Bazar da Cidade”, ressalta a diretora-geral, Miriam Lerner.

Sobre o MCB

O Museu da Casa Brasileira é dedicado à preservação e difusão da cultura material da casa brasileira, sendo o único museu do País especializado em arquitetura e design. A programação contempla exposições temporárias e de longa duração, com uma agenda que possui também atividades do serviço educativo, debates, palestras e publicações contextualizando a vocação do museu para a formação de um pensamento crítico em temas como arquitetura, urbanismo, habitação, economia criativa, mobilidade urbana e sustentabilidade.

Entre suas inúmeras iniciativas, destacam-se o Prêmio Design MCB, principal premiação do segmento no Brasil, realizado desde 1986, e o projeto Casas do Brasil, de resgate e preservação da memória sobre a rica diversidade do morar no País.

Atividades

Sábado (27)

OFICINA PARA ADULTOS

11h00 | Arquitetura da Terra, com Ivone Rigobelo, arquiteta e designer de estamparias – Através do uso de stencils, a artista ensinará os participantes a estamparem tecidos, valorizando o upcycling; técnica que propõe o reaproveitamento de roupas ou objetos usados. Os stencils serão criados tendo como inspiração os padrões geométricos utilizados pelo povo Basotho, da África do Sul, em suas casas de terra – Duração: 60 minutos – Vagas limitadas: 12 pessoas – Recomenda-se que o participante leve uma camiseta usada em algodão.

12h30 | Ervas, Especiarias e Masalas: Pitadas afetivas de aromas e sabores, com Marcelo Nastari, Grão Vizir Masalas & Especiarias –Encontro regado a aromas, sabores e atividades sensoriais. A partir do uso dos sentidos serão abordados: “Conceitos de ervas, especiarias e masalas”, “Noções gerais de uso culinário de três a cinco temperos (ervas, especiaria e masala)” e “Armazenamento e qualidade”. Inclui degustação e material de apoio (temperos e material impresso) – Duração: 1h e 15 minutos – Vagas limitadas: 12 pessoas.

14h30 | Crochê Moderno – Primeiros Pontos do Crochê, com Catharina Oliveira, artista e criadora da Crochê Moderno – A oficina oferece a possibilidade de se dar o ponta pé inicial na arte do trançado. O participante aprenderá a manusear agulhas de alumínio e o fio de malha, tendo acesso às técnicas introdutórias do crochê. – Duração: 90 minutos – Vagas limitadas: 12 pessoas.

16h30 | 18h00 | Feltragem em Pedrinhas de Lã, com Lucia Higuchi, arquiteta e estilista – De maneira lúdica, a oficina propõe pensar como a lã de ovelha pode ser transformada em objeto, a partir da técnica derivada da feltragem. As pedrinhas de lã podem ser utilizadas como adorno ou sachê e serão desenvolvidas a partir do sabonete vegetal como base. Tanto a lã de ovelha como o sabonete serão oferecidos pela artista. – Duração: 90 minutos – Vagas limitadas: 12 pessoas.

OFICINA PARA CRIANÇAS

11h00 | 19h00 | Ponto de Brincar – A Kombi do “Oquecabeaqui?” oferecerá um espaço reservado às crianças com diversas propostas brincantes e artísticas. Serão sugeridos trabalhos com fios e tecidos, desenhos e brincadeiras de casinha. No interior da Kombi, há ainda um delicioso e convidativo espaço para leitura. – Tempo máximo de permanência: 45 minutos – Vagas: 15 crianças simultaneamente – Faixa etária: 5 a 12 anos. Até 4 anos, somente acompanhados com responsáveis.
12h00 | 15h00 | Frotagem – O ateliê móvel “Oquecabeaqui?” oferecerá uma oficina de frotagem sobre papel, em que as crianças poderão explorar as texturas e relevos de diferentes plantas e objetos. Essa pesquisa será registrada em pequenos livros que serão levados para casa. – Duração: 1h – Vagas: 24 crianças simultâneas – Faixa etária: 5 a 12 anos.

Domingo (28)

OFICINA PARA ADULTOS

11h00 | Arquitetura da Terra, com Ivone Rigobelo, arquiteta e designer de estamparias – Através do uso de stencils, a artista ensinará os participantes a estamparem tecidos, valorizando o upcycling; técnica que propõe o reaproveitamento de roupas ou objetos usados. Os stencils serão criados tendo como inspiração os padrões geométricos utilizados pelo povo Basotho, da África do Sul, em suas casas de terra – Duração: 60 minutos – Vagas limitadas: 12 pessoas – Recomenda-se que o participante leve uma camiseta usada em algodão.

12h30 | Ervas, Especiarias e Masalas: Pitadas afetivas de aromas e sabores, com Marcelo Nastari, Grão Vizir Masalas & Especiarias –Encontro regado a aromas, sabores e atividades sensoriais. A partir do uso dos sentidos serão abordados: “Conceitos de ervas, especiarias e masalas”, “Noções gerais de uso culinário de três a cinco temperos (ervas, especiaria e masala)” e “Armazenamento e qualidade”. Inclui degustação e material de apoio (temperos e material impresso) – Duração: 1h e 15 minutos – Vagas limitadas: 12 pessoas.

14h30 | Crochê Moderno – Primeiros Pontos do Crochê, com Catharina Oliveira, artista e criadora da Crochê Moderno – A oficina oferece a possibilidade de se dar o ponta pé inicial na arte do trançado. O participante aprenderá a manusear agulhas de alumínio e o fio de malha, tendo acesso às técnicas introdutórias do crochê. – Duração: 90 minutos – Vagas limitadas: 12 pessoas.

16h30 e 18h | Feltragem em Pedrinhas de Lã, com Lucia Higuchi, arquiteta e estilista – De maneira lúdica, a oficina propõe pensar como a lã de ovelha pode ser transformada em objeto, a partir da técnica derivada da feltragem. As pedrinhas de lã podem ser utilizadas como adorno ou sachê e serão desenvolvidas a partir do sabonete vegetal como base. Tanto a lã de ovelha como o sabonete serão oferecidos pela artista. – Duração: 90 minutos – Vagas limitadas: 12 pessoas.

OFICINA PARA CRIANÇAS

11h00 | 19h00 | Ponto de Brincar – A Kombi do “Oquecabeaqui?” oferecerá um espaço reservado às crianças com diversas propostas brincantes e artísticas. Serão sugeridos trabalhos com fios e tecidos, desenhos e brincadeiras de casinha. No interior da Kombi, há ainda um delicioso e convidativo espaço para leitura. – Tempo máximo de permanência: 45 minutos – Vagas: 15 crianças simultaneamente – Faixa etária: 5 a 12 anos. Até 4 anos, somente acompanhados com responsáveis.

12h00 | 15h00 | Carimbos – O ateliê móvel “Oquecabeaqui?” oferecerá uma oficina de carimbos, em que as crianças criarão seus próprios carimbos a partir de toquinhos de madeira. – Duração: 1h – Vagas: 24 crianças simultâneas – Faixa etária: 5 a 12 anos.
Praça de Alimentação:

Aguzzo Cucina, Arepas Picatta SP, Cervejaria Los Compadres, Cheers, Dom Emporium, É dos Anjos, Farfalla Gelato, La Cuisine, Mapu, Pão di Queijo da Mineira, Petiscleta.

Artigos relacionados
Carregar mais por Redação
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

Leia também

Região de São José dos Campos tem queda recorde em roubos de veículo

Números são referentes a abril, mês em que também houve redução nos casos e vítimas de lat…