Facebook

Twitter

WhatsApp

Email

Um projeto de lei da Prefeitura de Campinas foi encaminhado para a Câmara Municipal com o objetivo de estabelecer multas para as concessionárias de televisão a cabo, telefonia e energia elétrica que deixarem um monte de emaranhados de cabos nos postes da cidade.

Caso a lei seja aprovada, os rolos e fios todos enrolados que não forem devidamente alinhados, renderão multas de até R$ 5400,00. Haverá multas também para as empresas que abrirem buracos e não taparem corretamente. Nesse caso, será que a Sanasa também será multada, já que ela deixa a cidade inteira esburacada com seus serviços porcos? A lei sobre os buracos também vale para concessionárias de gás e água.

O prefeito Jonas Donizette disse que a cidade está com muitos fios espalhados por todo canto, e que a nova lei é uma forma de manter tudo em ordem e em segurança. A lei também vai estabelecer normas de como tudo deve ficar.

Como já existe em tramitação um projeto de lei que obriga o aterramento de todos os cabos hoje aéreos, poderá ser feita uma adaptação nos dois projetos para que sejam unificados e que fique bom para todos.

Da Redação ODC.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Fundação Itesp divulga os canais de atendimento ao público durante a quarentena

Instituição publicou os canais para tirar dúvidas e saber o andamento das ações, como medi…