Órgão da Secretaria de Agricultura lançou repositório institucional para armazenar, preservar, organizar e disseminar produções

O Instituto Biológico (IB-APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado, possui agora um repositório institucional, que armazena, preserva, organiza e dissemina a produção técnica e científica da instituição de forma gratuita e sem restrições de acesso.

Na prática, a ferramenta possibilita que os cidadãos e outros pesquisadores tenham acesso facilitado aos resultados de pesquisas desenvolvidas no IB. As produções podem ser acessadas em http://repositoriobiologico.com.br/jspui/.

Os repositórios institucionais têm o objetivo de disponibilizar em um único local as informações de acesso aberto e público da produção científica e tecnológica da entidade.

“Com isso, contribui para ampliar a visibilidade da instituição na área de pesquisa, desenvolvimento e inovação, além de preservar a memória intelectual. A comunicação e o acesso aos resultados de projetos de pesquisa precisam ser plenos e sem restrições, já que a ciência é considerada um bem público”, explica Ana Eugênia de Carvalho Campos, diretora-geral do IB.

Conteúdo

Estão disponíveis no repositório os boletins, comunicados, documentos técnicos e livros de autoria dos pesquisadores e técnicos, além das dissertações de mestrado e teses de doutorado produzidas pelos alunos de Pós-Graduação em Sanidade, Segurança Alimentar e Ambiental no Agronegócio do IB.

Também estão disponíveis os artigos em livre acesso publicados pelos pesquisadores em revistas científicas do Brasil e do exterior e as referências dos artigos que se encontram com o acesso regulamentado e fechado, que não podem ser disponibilizados em respeito de direitos autorais.

“O repositório é um sistema vivo, portanto em transformação, de forma que receberá a inserção de novos documentos, coleções e funcionalidades, contribuindo para a preservação da história institucional e para o desenvolvimento científico e inovação no âmbito do negócio agrícola”, afirma Roberto Tadeu da Silva, bibliotecário do IB.

Os repositórios institucionais são considerados pelo movimento Ciência Aberta (Open Science) como estratégicos para tornar a literatura científica disponível na internet de forma gratuita e sem restrições de acesso, proporcionando maior visibilidade à produção de universidades e instituições de ciência.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Bom Dia Campinas! Previsão do Tempo para hoje e falecimentos de 04 e 05/08

Bom dia pessoal! DIA 137 DA QUARENTENA OBRIGATÓRIA DA CIDADE DE CAMPINAS CONTRA O NOVO COR…