Quer receber as principais Notícias de Campinas e região pelo Facebook Messenger? Inscreva-se agora.

Policiais Militares do 1º BAEP realizavam patrulhamento pela região do bairro Jardim Marisa, em Campinas, quando avistaram um homem na calçada, que ao notar a aproximação da viatura, entrou em um comércio para tentar evitar a abordagem policial, sendo a atitude suspeita notada pelos Policiais Militares, que seguiram o homem a pé e efetuaram a abordagem.

Durante entrevista, o abordado passou várias vezes dados pessoais falsos, foi notado também que ele apresentava escoriações e arranhões pelo corpo, além de um ferimento recente na cabeça, continuava tentando enganar a equipe policial, mas com a insistência e experiência profissional dos policiais, o detido acabou confessando que havia matado um homem.

Os policiais solicitaram que mostrasse onde o corpo estaria, sendo levados até um pequeno cômodo, as margens da Rodovia Miguel Melhado, aparentemente que serve como bar.

Ao chegar no local, os policiais militares localizaram o corpo de um homem, com o tórax aberto e sem o coração, indagado novamente, mas desta vez sobre o órgão, o autor do homicídio disse que havia guardado o coração para si, levando os policiais até a sua residência, na Rua Amadeu Silvestre Ramos, 320, Jardim Marisa, onde o coração estava enrolado em um pano, dentro do guarda roupas dele.

Ocorrência em andamento, ainda pelo local…

Artigos relacionados
Carregar mais por Redação
Carregar mais em Polícia

Deixe uma resposta

Leia também

A Bahiana que deixou tudo para viver um grande amor em S. Bárbara

Casal se conheceu conversando pelo Facebook; só depois de mudar para Santa Bárbara d’Oeste…